Águas residuais tratadas com um filtro verde e aproveitadas para a rega de pomares e florestas

As águas residuais do lugar de Curral, em Pico de Regalados, Vila Verde, vão ser tratadas com um projecto pioneiro, desenvolvido pela Universidade do Minho e que, hoje e amanhã, vai ser apresentado, na autarquia vila-verdense, no segundo encontro da rede DEPURANAT, que prevê a implementação de sistemas de gestão sustentável das águas residuais até 2006.

O saneamento ambiental do lugar do Curral contempla uma estação de tratamento de águas residuais (ETAR) "descentralizada", que é uma estrutura igualmente eficiente mas, geralmente, de menor dimensão, utilizada para tratar dos efluentes de aglomerados populacionais mais pequenos.

De fácil operação e manutenção, com baixo consumo de energia e bem integrado na paisagem, este é um sistema não convencional, uma vez que utiliza processos naturais para o tratamento e valorização das águas residuais que se intitula de filtro verde.

O filtro verde é um sistema de tratamento que usa o azoto, o fósforo e outros nutrientes presentes nos efluentes tratados, promovendo o crescimento de vegetação com fins produtivos e que está a ser utilizado pela primeira vez no nosso país, na freguesia de Pico de Regalados.

Procurando desenvolver soluções adequadas para a resolução dos problemas das populações a nível local, a Câmara de Vila Verde pretende transformar o lugar do Curral numa "Aldeia Sustentável". Por isso, a implementação do projecto-piloto constitui o primeiro passo a caminho da gestão sustentável, contribuindo, juntamente com outras medidas (relacionadas com a gestão de resíduos, a energia e o património edificado) para favorecer o desenvolvimento socioeconómico e ambiental do lugar.

O projecto-piloto, desenvolvido pelo Departamento de Engenharia Biológica da Universidade do Minho e coordenado por Regina Nogueira, poderá, no futuro, servir de modelo para a aplicação noutras regiões e países que apresentem características e problemas comuns.

O projecto do lugar do Curral foi concebido no âmbito do DEPURANAT (desenvolvido até finais de 2006 e inserido no Interreg III B) que tem como objectivo o tratamento de águas residuais promovendo a utilização de produtos de qualidade resultante desse tratamento.

Pedro Antunes Pereira


Related Content